Consulta com um ortopedista super sincero

Olá!!! Hoje nosso Dom Valente teve sua primeira consulta com um médico ortopedista, mais uma especialidade que se tornará rotina em nossa vida agitada. A indicação foi feita pela neuropediatra, visto que aspectos ósseos, musculares e articulares devem ser acompanhados precocemente em crianças diagnosticadas com hidrocefalia e paralisia cerebral secundária. 

 Cabe ao ortopedista avaliar o estágio do desenvolvimento motor, monitorar o posicionamento das articulações, em especial dos quadris, pés e coluna vertebral, com exame físico e de imagem. As consultas são pontuais e devem iniciar tão logo se tenha um diagnóstico, mantendo-se a regularidade com intervalos predeterminados a partir da condição da criança. 

  O ortopedista pediátrico é responsável por avaliar e indicar os tratamentos  necessários, os quais podem incluir: aplicação de Botox (para relaxamento dos músculos espásticos), uso de orteses e cirurgias.  Além disso, seu trabalho deve estar em consonância com o fisioterapeuta, profissional que avalia as capacidades e dificuldades da criança, com vistas a desenvolver um protocolo de atendimento individualizado e focado na ampliação das funções neuromotoras. 

Ortopedista e fisioterapeuta devem prevenir complicações secundárias como escoliose, hipercifose, lordose, facilitar o desenvolvimento sensório-motor, preparar a criança para deambulação, treinar as atividades de vida diária, promover o desenvolvimento sócio-emocional, orientar os familiares quanto às estratégias adequadas. 

O ortopesita super sincero do Matheus

Dr. Vladmir Segutti nos recebeu muito bem e falando em inglês, pois viu na ficha que Matheus é canadense. Fez algumas perguntas sobre  o quadro clínico a partir do nascimento (praxe em todos os novos atendimentos) e , em seguida, observou seu paciente atentamente e realizou testes clínicos simples.  Durante o atendimento me explicou os principais problemas que poderão surgir em decorrência do dano cerebral, mas me deixou aliviada ao constatar que nosso valente ainda não apresenta nenhuma disfunção ortopédica.  

Após examinar e repassar as orientações necessárias, sobretudo, enfatizar a necessidade do acompanhamento fisioterápico  (fisio comum, hidroterapia e equoterapia), o Dr. Super Sincero me surpreendeu e disse na lata: “Você precisa se cuidar, EMAGRECER, fazer musculação, ir ao cinema, shopping, caminhar no parque, sair com as amigas…” Disse ainda que já viu muitos casamentos acabarem porque o casal não está preparado para lidar com as situações estressantes que envolvem a chegada de um filho especial. Ressaltou que Matheus é importante, mas não é único, pois a atenção deve ser dividida entre Marcos, Mica, Matheus e eu mesma! Por fim, alertou que devo estar bem física e psicologicamente para dar conta do Dom Valente e das tarefas diárias, dignas da Mulher Maravilha.

Eu quis me enterrar de vergonha! Falei que já estou acompanhando com endocrinologia e nutricionista e que também faço musculação e passeio no shopping e no parque! Claro, que concordei com ele, pois está certíssimo em suas colocações. Fiquei tão espantada que até esqueci de pedir alguns encaminhamentos… Chegando em casa, corri me olhar no espelho para ver se  em minha testa estava escrito: MÃE ESTRESSADA, CANSADA, ACABADA, O PÓ DA GOIABA… Contei para uma amiga e ela perguntou se eu estava descabelada. Com certeza sim, pois a correria é tanta que o rabo de cavalo já se faz sozinho…  Acho que esse médico é vidente! Na próxima consulta pedirei os números da Mega Sena…

  Enfim, mais uma etapa de acompanhamento iniciada. Tudo para que o nosso Dom Valente desenvolva habilidades motoras e se torne o mais independente possível. 

Super beijo e até breve!